Rede Feminaria discute o papel da mulher na economia

feminaria

Atividade acontece em apoio ao movimento mundial da greve das mulheres

Em 8 de março é celebrado o Dia Internacional da Mulher. Por conta disso, o movimento Women’s March, dos EUA e o Ni Una Menos, da América Latina,convocam mulheres no mundo todo para uma greve geral, como forma de denunciar a subordinação imposta pelo patriarcado, a violência perpetrada pelo machismo, a cultura do estupro e a exploração do capitalismo.

Como parte do movimento mundial da greve das mulheres, a Feminaria abre as portas de sua sede, em São Paulo, para receber mulheres que queiram parar as atividades domésticas e laborais e conversar sobre a mulher e seu papel fundamental na economia.

A ação acontece dia 8 de março, a partir das 15 horas. A Feminaria fica na rua Inglês de Souza, 14. Para mais informações sobre a paralização mundial, acesse www.8mbrasil.com

Sobre a Rede Feminaria

A Rede Feminaria é uma rede afetiva de empreendedorismo feminino fundada em 2016 pela advogada Ana Carolina Moreira Bavon. Tem como objetivo fomentar parcerias e networking, aumentando a rede de clientes das associadas, apoiadoras e consultoras de forma empática, para movimentar a economia com lucro real e solidez. www.feminaria.com.br