Embrace: australiana faz documentário sobre o ódio aos nossos corpos

Crédito: Reprodução Body Image Movement

A australiana Taryn Brumfitt sempre sentiu pressão para ter um corpo perfeito. Ela foi mãe três vezes e, após cada gravidez, via seu corpo e chorava, odiando aquilo que ela se tornou. Ela, então, decidiu que iria tentar se aceitar do jeito que era. E esse foi o primeiro passo para seu documentário, Embrace.

Brumfitt postou no Facebook uma foto do antes e do depois de seu corpo. A imagem viralizou, foi compartilhada até por celebridades e virou manchete em revistas e jornais do mundo todo.

Crédito: Reprodução Body Image Movement
Crédito: Reprodução Body Image Movement

Ela queria que as mulheres percebessem que podem aceitar seus corpos. Sua principal motivação foi a sua filha. Ela não quer que a menina passe pela mesma pressão de odiar o próprio corpo.

LEIA TAMBÉM
MC CAROL QUESTIONA ESTEREÓTIPOS DE CORPO NO FACEBOOK
MULHER COMPARTILHA IMAGENS DE SEU CORPO ANTES E DEPOIS DA GRAVIDEZ E ESCREVE MENSAGEM IMPACTANTE
DIETAS FAZEM AS MULHERES ODIAREM SEUS CORPOS?

Depois de sua foto viralizar, Taryn Brumfitt iniciou o Body Image Movement (movimento da imagem corporal) e decidiu seguir seus planos de fazer o Embrace, um documentário sobre o assunto. Ela descobriu que aproximadamente 91% das mulheres odeiam o próprio corpo. Com uma campanha de financiamento coletivo, ela arrecadou AU$ 331 mil (R$ 810 mil). Brumfitt então viajou o mundo para gravar Embrace e, agora, dois anos depois do início das filmagens, o documentário está para ser lançado.

Crédito: Reprodução Body Image Movement
Crédito: Reprodução Body Image Movement

Embrace estreou no Sydney Film Festival de 2016 e foi indicado ao prêmio de melhor documentário pela Documentary Australia Foundation. Não há previsão de estréia para o documentário chegar no Brasil, mas é possível comprar o filme na pré-venda do iTunes por US$ 17,99 (R$ 58). Ele será liberado para assistir na plataforma no dia 14 de fevereiro.

Confira o trailer: